Invista AGORA

O que são Letras de Câmbio?

maio . 11

Apesar de o título e nome serem similares, as Letras de Câmbio (LC) nada tem a ver com câmbio de moedas, como dólar, euro ou outro qualquer. Assim como os Recibos de Depósito Bancário (RDBs), as Letras de Câmbio são títulos de renda fixa oferecidos por sociedades de crédito, investimento e financiamento, conhecidas como Financeiras.

Comprar um título de Renda Fixa é como emprestar dinheiro ao emissor do papel em troca de remuneração de juros, que varia de acordo com o prazo estabelecido na data do investimento. Nas LC’s funciona assim: o investidor “empresta” dinheiro para uma instituição financeira por um determinado período e recebe uma remuneração por isso. A instituição, por sua vez, empresta esse valor a uma terceira pessoa, ganhando a diferença, conhecido como spread. As LC’s são muito procuradas justamente pela boa rentabilidade que apresentam, uma vez que as financeiras pagam taxas bem mais atrativas do que os bancos comerciais. Por isso, o produto tem sido requisitado não apenas pelos investidores conservadores. Mesmo os mais arrojados, costumam proteger parte do seu dinheiro em investimentos conservadores de Renda Fixa.

A Letra de Câmbio também possui outras vantagens que merecem ser destacadas: apresenta rentabilidade maior que a Poupança, CDBs de grandes bancos e o Tesouro Direto, é um investimento de baixo risco e possui a garantia integral do FGC – Fundo Garantidor de Créditos até o limite de R$ 250.000,00 por CPF e instituição financeira diferente. Assim como em outras aplicações, sobre o rendimento das LC’s incide imposto de renda, que pode variar de 15% a 22,5%, dependendo do período da aplicação.

A Letra de Câmbio tem vários prazos, podendo ser um investimento de curto ou de longo prazo. Quanto mais longo for o prazo contratado maior será o seu rendimento. Assim como em outras aplicações de renda fixa, sobre o rendimento das LC’s incide imposto de renda, que pode variar de 15% a 22,5%, dependendo do prazo da aplicação. Nas LCs oferecidas via PoupaBrasil, há produtos com prazo de seis meses até cinco anos. E o valor mínimo para investimento é de R$ 1.000.

Compartilhe!
error